Eu sou aquela que Deus trouxe a terra, para adorá-lo e exaltá-lo.Iupiii...!!

Minha foto
Atriz, formada em fisioterapia, largou tudo pra viajar o mundo para ir de encontro a sua liberdade, que muitas vezes a aprisiona. Tem 28 anos e ainda acha que a vida é uma fantasia. Lema pessoal "persistência e insistência mesmo que haja resistência"

domingo, 13 de setembro de 2009

A individualidade e a sociedade de consumo

Bom, está parecendo título de redação de vestibular esse tema... mas é a vida! A sociedade de consumo tira a nossa individualidade, impõe padrões de acordo com a evolução... Hoje não podemos ser quem somos perdemos a naturalidade, o original de nosso antepassados, até a educação que aprendemos a ter com eles, onde não são mais reconhecidos. Fazemos com que o diferente seja rejeitado, obrigando assim a sociedade ser igual, robotizando socialmente, fazendo com que a comunicação dos povos seja restrita à apenas relações de interesse, com superficiais interações harmônicas, e mais desarmônicas, dependendo da atitude de cada um dificultando assim, relações verdadeiras de afeto.

domingo, 2 de agosto de 2009

MInha mãe me ama!

"Mia senhora, Teu cuidado e tua maneira de descobrir abrigo entre tanto amor" - O Teatro Mágico. Às vezes (na maioria) me irrito com minha mãe, mas logo depois penso e fico com o coração partido de ter tido essa sensação. Ela faz tudo isso porque se preocupa comigo e mim ama de verdade, ela tem seu defeitos e já esteve errada em muuuitas coisas. Amo ela, sei que ela é uma M-Ã-E, digo assim porque esse palavra é muito forte. Ela é uma onça que protege seus filhotes de uma maneira que não sufoca, não prende, mas que acompanha e espreita só para checar se vai tudo bem. O jeito bom que minha mãe tem eu gostaria que todas as mães tivessem. Tenho percebido situações em que o comportamento das mães estão desconexos....

O bom humor me faz tolerar as coisas

Deitada diante do mar... como é bom... já experimentou? Parece que estou flutuando...Como é bom ouvir histórias, não deixar que a vida nos cause mais dor. Dura é a dor quando aflora. Não perca as estribeiras, VIVA. Saiba do teu valor, amanheça brilhando mais forte. Esquecer não é perdoar. Reinventar tantas outras notas musicais, escreever um pretexto, um prefácio e um refrão. Ser muito mais essência. No outro lado fica quem não atravessou. Se hoje cantamos é porque ontem choramos, cria a dor, cria e atura. Nem farda, nem tampouco fartura. Sem papel, sem assinatura. Se reciclando vai, se vai, não habita, se habitua. Falta assunto, falta acesso. Talento traduzido em cédula, pagar pra rir. Acordes em oferta, cordel em promoção. A Prosa presa em papel de bala. Música rara em liquidação, meu museu em obras, obras em leilão. Atalhos, retalhos, sobras. A matemática da arte em papel de pão.

Xiiis


Porque você jovem não rever suas atitudes? Sabia que você faz parte de uma geração eleita de Deus?!
A identidade do ser humano está em crise. O homem está sendo programado, superado pelo mercado, voando de informações, tanta informação que acabamos no final desinfomardos. Será que o homem moderno é racional?
A essência do homem é muito grande, o ser humano para se decidir demora muito, é uma busca constante de caminhos a seguir mas, fique esperto que seu tempo está acabando... Eu quero sentir o dia. Eles passam tão rápido que não os sinto, é tudo mais fugaz do que eu imaginava que seria. É um aperto que me dá. Estamos em agosto. "A gosto" de Deus que o tempo corre? Gostamos de liberdade, mas o que é ter liberdade?Liberdade demais traz insatisfação. Tem algo no ser humano que quer lutar para ser bom, podemos ser muito mais do que somos. Estamos hipervalorizando elementos de mercado, de poder, de lucro e esquecendo de dar prioridade as coisas mais importantes, só que não percebemos. Mesmo esmagado o ser humano é gente e não mercadoria, como diz a frase de Charlie Chaplin que eu estampei na minha camiseta: "Mais que de máquinas precisamos de humanidade". Temos que existir e ser também. Esses 2 verbos contém significados diferentes, que precisam ser acoplados. Será que o homem é produto do meio? Como se deve o determinismo da atualidade? Há um excesso de lixo, um ruído de informação. Repare muitas vezes o que resta depois de horas na internet, não tem nada a ver com o que você buscava quando sentou diante dela, não é?

sexta-feira, 12 de junho de 2009

Dica de cabelo!


Você que penteia, penteia e acaba no despenteia, estica daqui, e estica mais de lá, relaxa, e escova todo fim de semana e está cansada disso?! Chegou a solução para o seu cabelo e para o seu tempo precioso. Basta VOCÊ ter apenas UMA iniciativa. CORTE essa madeixas sem pena, kkkkkkk. Fique black, deixe ele solto, deixa ele te levar, jogue todos os pentes e escova longe de você, arremesse-os pela janela. Não use mais gel! Sim isso mesmo. O gel ele resseca o cabelo, ficam cheios de frizz. Valeu a dica?! VEJA MINHA EVOLUÇÃO de menina á mulher.....rsrsrsrs....



VocÊ gosta de violência!? Eu não!

Um dia desses, eu estava no ponto de ônibus (como sempre) conversando com uma pessoa sobre televisão (assisto pouco), sobre o programa Aprendiz 6, que é muito bom, a gente aprende sobre empreendendorismo e coisa e tal, aí ela resolveu fala sobre reality show, no caso "A fazenda" que está no ar na record. Falei que muitos artistas polêmicos vão participar. Daí então, conversa vai, conversa vem ela me disse uma coisa que me deu um nó na espinha: ela disse que na verdade, ela e o resto da população gosta mesmo é de ver briga, confusão, fofoca, traição e coisa e tal, que é isso que atrai a audiência. Poxa, fiquei triste porque é uma verdade, infelizmente.Mas O QUE É QUE FAZ O SER HUMANO GOSTAR TANNNNNNNNNNTO DE VER A MISÉRIA ALHEIA??? PORQUE ISSO? ISSO VEM DE ONDE? QUE RAÇA NÓS SOMOS? A DE PORCOS??? VOCÊS ACHAM QUE AS COISAS TENDEM A PIORAR...? Por isso que os programas "Na mira" e Cia não acabam... Um dia desses fui tomar café-da-manhã e resolvi ligar a tv era uma 8:30hs, quando liguei estava um homem morto sendo filmado. Absurdo! Quando eu era menor nesse canal e hora passava desenho animado, e era o que eu pretendia assistir, imagino que as crianças , como único meio,só tem aquilo pra assistir. A partir daí penso: quando eu tiver meu filho proibirei ele de assistir televisão... não existe nada didático, mas mesmo assim não vou esconder a realidade dele, mas não precisa ser tanto! Isso choca. Nem todo mundo está preparado para ver cadáveres... Gosto muito dos artigos que Malu Fontes publica todo domingo na Revista da Tv, do Jornal A Tarde... ela fala justamente sobre essas coisas... Falando em cadáveres, recentemente fui ao Nina assistir a uma necropsia....minha professora Roseli de histologia disse pra turma ir e fomos, vá um dia...

Para minha irmã preferida Cristiane!

Inha sua chata, vou divulgar seus biscuit aqui no blog, não se preocupe não viu, amo pegar no seu pé.... 30 ANOS de convivência, obrigado por trocar minha fralda, desculpe os gases e a bagunça, mas fazer o que né? Eu sou assim....VAI TER QUE ME ENGOLIR.....meu jacarezinho ....